sexta-feira, 10 de julho de 2015

O que os pais nunca devem publicar na Internet


Shutterstock

Alguns pais tomam precauções no que diz respeito à publicação de fotografias dos filhos na Internet. Outros são mais distraídos e publicam várias imagens nas crianças nas redes sociais.

É preciso ter cuidado com aquilo que se divulga na Internet. Aqui ficam 5 pontos que deve ter em atenção no momento de publicar fotografias.
1)    Fotos com registo de localização: Desactive o GPS do aparelho, assim ninguém fica a saber os locais que a criança frequenta;

2)     Imagens da criança no duche ou em fato-de-banho: A Internet está cheia de predadores sexuais. Estas fotos podem atrair as atenções de pessoas indesejadas;

3)    Fotografias com a farda da escola: Assim é mais fácil para uma pessoa com más intenções descobrir qual a escola que a criança frequenta;
4)    Fotos com amigos: Não deve publicar fotografias dos seus filhos com os amigos sem a autorização dos pais das outras crianças. Estes podem não gostar da exposição e ser completamente contra a divulgação da cara das crianças na Internet;

5)    Imagens da criança perto do local onde vive: Mais uma vez, estas fotos são ‘perfeitas’ para atrair a atenção de predadores sexuais.
Texto publicado no jornal Sol de 9 de julho de 2015.


Onde estarão as fotos dos seus filhos que partilhou na Internet?

A partir do momento em que coloca as fotos dos seus filhos (ou quaisquer outras) nas redes sociais, em blogues ou em qualquer outro sítio da Internet, que não seja nos, quase seguros, serviços de cloud, deixa de saber onde é que elas poderão estar.
kids_internet

As redes sociais vieram alterar muito o conceito de privacidade, se hoje em dia partilhamos um pouco (ou muito) das nossas vidas por lá.
Já aqui no Pplware Kids abordámos várias vezes este tema e até já lhe demos a conhecer os 10 tipos de fotos que nunca deve partilhar na Internet, com a devida explicação, e hoje mostramos um caso prático do porquê de insistirmos nesta temática.
A partilha de uma foto de uma criança numa rede social é normalmente sinónimo de muitos “Gostos”, de muitos comentários e até de partilhas. E são estas interacções que fazem com que o “rasto” da fotografia que partilhou no seu perfil, que até pode ter as definições de privacidade configuradas convenientemente, se perca por completo.
Gostava de ver a cara do seu filho numa caneca à venda na Internet?
É isso mesmo, a fotografia que partilhou numa das suas redes sociais, além de poder estar em qualquer outro sítio recôndito da Internet, pode agora estar impressa numa caneca em casa de qualquer pessoa em qualquer parte do mundo.

kids_internet_1
 
Someone’s kid on your favourite mug. Este é o slogan que se pode ler no site holandês Koppie Koppie que se dedica à venda de canecas com a cara de “miúdos de alguém”, são as caras de centenas de crianças que foram outrora colocadas na Internet pelos próprios pais, educadores ou familiares.
“Se já coloca as fotos de seus filhos online, agora tem a hipótese de as adquirir numa das nossas canecas de café. Basta rolar para ver se seus filhos estão na nossa colecção […]” é o próprio site Koppie Koppie que o explica.
Segundo explica Dimitri Tokmetzis, um dos impulsionadores do projecto, o Koppie Koppie é um alerta para todos aqueles que teimam em partilhar as fotografias das crianças na Internet.
Este projecto pode parecer imoral, mas é totalmente legal, e são as próprias pessoas que fazem as partilhas que o autorizam, quando aceitaram as Políticas de Privacidade de sites como o Facebook, o Instagram ou o Google Plus.
O Koppie Koppie é mais do que um negócio para o qual o seu filho pode contribuir, ele é um alerta para aquilo que as fotos que partilha na Internet podem ser utilizadas.
Se a Internet é frequentada por muita gente boa, por muitos amigos, por muitos conhecidos, ela é também frequentada por gente sem escrúpulos e com más intenções. Não facilite!

Por  in kids.pplware.sapo.pt